quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Quero amar


Eu quero um amor que transcenda os desejos carnais, o que se pode ver

Eu quero um amor que eu possa confiar, que tenha a mesma visao que eu tenho do ceu e do mar

Eu quero um amor que me eleve espiritualmente, me de forcas que eu nunca vira em mim

Eu quero um amor que brinque, que cante, que ria comigo

Eu quero um amor nada contido, um pouco ciumento, um amor amigo

Eu quero um amor sincero, um amor sonhador, um amor, verdadeiro amor.

Um comentário:

Lunetta disse...

Gosto muito do seu blog e deste poema "Quero amar". abçs